Soul: Voce e Eu Artista em Destaque: Jottacê

Realise Jottacê 2020

Aos 14 anos, na época da escola um cdf, que adorava escrever redações, versos e poemas, em dado momento alguns amigos se aproveitavam da escrita poética e transformava em RAP. Não demorou para que vários amigos, adultos inclusive, o pedissem auxilio sempre que eles “empacavam” em certo ponto de suas composições. E, de tanto ajudar a tantos e por tantas vezes, perceberam que a fonte das letras não secava, e passaram a se referir ao jovem como CRÂNIO, foi dessa forma que se uniu o J do Júnior com o C do crânio, e é esse tipo de sacada que podemos encontrar nas letras compostas por JOTTACÊ.
Influências:

As influências também vão de um extremo ao outro. Na grande maioria das vezes, a primeira influência musical que uma pessoa recebe é de dentro de casa, ouvindo aquilo que os pais ou irmãos mais velhos ouvem, se acostuma, aprende a gostar de determinado(s) ritmo(s). Em muitos casos esse ritmo é o samba, como aconteceu com Jottacê. E com o amadurecimento, começa a fazer suas próprias escolhas, e nesse caso específico a escolha ou identificação foi pelo o hip hop americano,N.w.a,Snoop dogg e principalmente os de grupos com origem latina como, Cypress Hill, Control Machete, Mexicano, Orixas entre tantos outros, somando as influências Brasileiras, Racionais mcs,Mrn, Rzo, Sabotage, Jorge Ben Jor, Branca de Neve, Bebeto, Tim Maia, Bedeu, João Gilberto… esses são alguns dos colaboradores da personalidade musical do JOTTACÊ.


Sobre o Primeiro CD:

Em 2006, Jottacê conheceu o produtor musical Dehco Wanlu. Esse encontro se deu devido a uma viagem de intercambio cultural para as cidades de La Courneuve e Paris na França, no qual ambos foram convidados a participarem e consequentemente trabalharem juntos. Até então não passaria disso, porem, precisariam produzir pelo menos três faixas para que essas fossem apresentadas aos músicos Franceses. A partir desse momento o desenvolvimento da parceria foi natural, e consequentemente após retornarem iniciaram a produção do primeiro CD solo do JOTTACÊ, intitulado “CONDENADO A CANTAR”. Levando em consideração o fato de iniciarem a parceria com o propósito de levar o trabalho para a Europa, foram utilizados na produção muitos elementos de samba, levadas de samba-rock que resultou numa rica mistura.

Sobre o segundo CD:

Ano 2012/2013, depois de vivenciar varias experiências com o primeiro CD, inicia-se a produção do segundo, mais amadurecidos tanto nas letras quanto na produção, o novo CD traz logo na música de trabalho as ilustres participações de Leandro Lehart (Art Popular) e P.MC (Jigaboo), em um Beat moderno e bem dançante Jottacê apresentou sua música “A Muvuca” com uma linguagem urbana, jovem e atual o albúm também contou com participações de Branco “pavilhão 9”, Das quebradas “talentoso rapper da cena mineira”, Dimenó “alvos da lei”, Suave “jigaboo”, Dom Lampa, Toaster Eddie, Gorflow,Dpinot, Drezz e Julli pop.

Projeto Mosaiko:

Em 2016 Jottacê por incentivo do Rapper e compositor “vulto” resolve lançar o Projeto Mosaiko que une vários estilos Musicais da Black music como sambarock, rap, R&B e soul music. Tudo começou quando Jottacê convidou Kaion para participação em apenas uma música, a parceria deu tão certo que perceberam que estavam diante de um belo projeto.

O projeto possui 4 singles autorais, são eles: “Eterna Namorada”,”Sambarock Swag Style”,”Di Gueto”e “Eu sei o que você quer”, O projeto tocou a música Kid Brilhantina, de autoria de Alexandre Rodrigues pai do Kaion, no Troféu Samba Rock 2017. Além disso, fizeram show na Casa Portugal, um dos locais mais tradicionais da nostalgia e samba rock de São Paulo.

O primeiro single “Eterna Namorada” chegou a ser uma das músicas mais pedidas da rádio 105FM no programa “festa do Dj Hum” e até hoje é uma das músicas mais tocadas nas pistas de samba-rock.

Alguns Trabalhos Realizados:

Sendo mais um que acredita e trabalha de maneira independente, tem no feedback recebido sobre o trabalho, seu maior parâmetro a respeito do caminho escolhido. Convidado pelo Dj Clay Soul do Rio de Janeiro, Participou de evento no Rio, no famoso Cassino Bangu, junto com Leandro Sapucahy, Mc Marechal, em São Paulo fez por um período as quintas-feiras na tradicional GALERIA OLIDO no centro, onde as pessoas se reúnem para dançar o samba rock. Foi escolhido pela OI FM de SP como banda OI NOVO SOM e consequentemente tocou representando a rádio em evento beneficente para ONG “Um Teto Para Meu País” no Espaço Viva São Paulo, participou e se destacou em evento promovido pelo instituto Ressoar e Rede Record apresentado por Karina Bacchi, que dançou empolgadamente ao som de Jottacê e ainda o convidou para participar de eventos na ONG FLORESCER, situada na comunidade de Paraisópolis, onde Karina e sua mãe Nádia Bacchi são as responsáveis. Participa de eventos em unidades de CEU, SESC, VIRADA CULTURAL.

Novos trabalhos

Em 2019 Jottacê Lançou o single “quero ficar” produzido por  Master Pe com participação de Gabriela Mara “Cantora e instrumentista mineira”, logo em seguida lançou outro single “zika das vielas” produzido por Dehco Wanlu e na primeira semana de novembro lançou a música “tudo por ela”com participação do Cantor Pop Black do conceituadíssimo grupo de Rap “inquerito” faixa 07 da mixtape produzida pelo studio Rms pro. Atualmente esta em processo de composição e produção do seu novo álbum que virá repleto de participações e novidades em todos os aspectos.

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s